HOME PAGE JAVASCRIPT
Botões Cálculos Datas Essenciais Janelas Flutuantes Menus
HTML CSS FLASH PHP ASP GERADORES CORES MISCELANEA Contato  






Objeto Request

O objeto Request nos devolve informações do usuário que foram enviadas por meio de formulários, por URL ou a partir de cookies. Também nos informa sobre o estado de certas variáveis do sistema, como por exemplo a língua utilizada pelo navegador, o número IP do cliente etc...

O objeto Request é acompanhado por uma Collection (Coleção), que possuem um conjunto de informações sobre um determinado fim.

A sintaxe deste objeto é: Request[.colettion]("NomeDaVariavel")

As coleções do objeto Request são:

  1. QueryString
  2. Form
  3. Cookies 
  4. ServerVariables 
  5. ClientCertificate 

Para acessar as informações de uma coleção podemos usar um loop ( For Each... Next ).
Clique numa coleção para ver exemplo do loop (pop-up) >> QueryString - Form - Cookies - ServerVariables - ClientCertificate

Obs: pode-se omitir o nome da coleção, Request("NomeDaVariavel"), neste caso o Servidor Web pesquisa as coleções na seguinte ordem: QueryString - Form - Cookies - ClientCertificate - ServerVariables


1 - Request QueryString
Sintaxe: Request.QueryString("NomeDaVariavel")

A coleção QueryString recupera os valores das variáveis enviadas usando o método GET.

Diferentes processos podem gerar um query string, tais como transferir variáveis por URL numa tag < a href>, a submissão de um formulário ou a digitação de uma consulta na caixa de endereço do navegador.

A - Transferir variáveis por URL -  é um string anexado ao URL usado para o envio de pequenos volumes de dados ao servidor.
O query é especificado após o sinal de interrogação ( ? ) no URL da tag <a href>, contendo os pares de nomes e valores de variáveis separados pelo caractere coringa &

Para passar as variáveis de uma pagina a outra, após o URL de determinada pagina, adicionamos o primeiro valor usando a seguinte sintaxe: ?variavel=valor.

Exemplo: <a href= "destino.asp?variavelA=valor1&variavelB=valor2&... "></a>

Para recuperar as variáveis na pagina destino, devemos fazer uso do objeto Request com o método QueryString

Request.Querystring( "variavel1" )
Request.Querystring( "variavel2" )

As duas páginas seriam assim:

Pagina que vai enviar as variáveis

<html>
<head>
<title>Pagina origem.asp</title>
</HEAD>
<BODY>
<a href= "/asp/destino.asp?nome=fulano&estado=Minas Gerais "> Enviar variáveis a pagina destino.asp</a>
</body>
</html>

Pagina que vai recuperar as variáveis

<html>
<head>
<title>Pagina destino.asp</title>
</head>
<body>
Nome: <%Response.Write Request.Querystring( "nome" )%><br>
Estado: <%Response.Write Request.Querystring( "estado" )%><br>
</body>
</html>

O resultado é conforme abaixo ilustrado:

B - Transferir variáveis por Formulário - usando-se o método GET neste processo, o sinal de interrogação ( ? ) e as variáveis são anexados automaticamente ao URL assim que se clicar no input submit.

Pagina que vai enviar as variáveis

<html>
<head>
<title>Pagina teste_form_metodo_get.asp</title>
</head>
<body>
<form method="GET" action="teste_form_metodo_get.asp">
<p>Nome: <input type="text" name="nome" size="48"></p>
<p>Cerveja preferida
<select size="1" name="cerveja">
<option>Brahma</option>
<option>Skol</option>
<option>Antarctica</option>
<option>Bohemia</option>
<option>Bavária</option>
</select>
<input type="submit" value="Submit">
</p>
</form>
</body>
</html>

Deste formulário, o seguinte query string poderia ser enviado: nome=Paula&cerveja=Antarctica
O seguinte script poderia ser usado:
Bem-vindo, <%=Request.QueryString("nome")%>
Sua cerveja predileta é  <%=Request.QueryString("cerveja")%>

Pagina que vai recuperar as variáveis

<html>
<head>
<title>Pagina resultado_form_metodo_get.asp</title>
</head>
Bem-vindo, <%=Request.QueryString("nome")%>
<br>
Sua cerveja predileta é <%=Request.QueryString("cerveja")%>
</body>
</html>

Resultado:


C - Digitação de uma consulta na caixa de endereço do navegador


2 - Request Form
Sintaxe: Request.Form("NomeDaVariavel")

A coleção Form recupera os valores das variáveis enviadas, através de um formulário, usando o método Post.

Vejamos abaixo um formulário de cadastramento:

<html>
<head>
<title>Pagina teste_form_metodo_post.asp</title>
</head>
<body>
<form method="POST" action="teste_form_metodo_post.asp">
<p>Nome: <input type="text" name="nome" size="48"><br>
<p>Nascimento: <input type="text" name="data" size="48"><br>
<select size="1" name="estado">
<option>Rio de Janeiro</option>
<option>São Paulo</option>
<option>Minas Gerais</option>
<option>Bahia</option>
<option>Rio Grande do Sul</option>
</select>
<input type="submit" value="Submit">
</form>
</body>
</html>

Vejamos abaixo a rotina de recuperação dos dados:

<html>
<head>
<title>Pagina resultado_form_metodo_get.asp</title>
</head>
Nome = <%=Request.Form("nome")%>
<br>
Data de nascimento = <%=Request.Form("data")%>
<br>
Estado = <%=Request.Form("estado")%>
</body>
</html>

 

Resultado:


3 - Request Cookies
Sintaxe: Request.Cookies("NomeDoCookie")

Basicamente os cookies podem ser lidos no computador do cliente com request.cookies e
armazenados com response.cookies.

  • Sintaxe de Leitura de um cookie
    request.cookies("nome_do_cookie")
    request.cookies("nome_do_cookie")("nome_do_parametro")
  • Sintaxe de Armazenamento de um cookie
    response.cookies("nome_do_cookie")="valor_do_cookie"
    response.cookies("nome_do_cookie")("nome_do_parametro")="valor_do_cookie"

Os cookies devem ter uma data de vencimento, do contrário ele irá expirar assim que o usuário fechar o navegador.

A sentença que indica o vencimento de um cookie é a seguinte:

  • data exata de vencimento
     response.cookies("nome_do_cookie").Expires=#August 18, 2020#
    Este cookie indica que finalizará em 18 de agosto de 2020.
  • quantidade de dias
    response.cookies("nome_do_cookie").Expires=Date+365
    Este cookie indica que finalizará dentro de 365 dias.
  • Deletar um cookie
    response.cookies("nome_do_cookie").expires=date-1


4 - Request ServerVariables
Sintaxe: Request.ServerVariables("NomeDoElemento")

Cada vez que uma página ASP é acessada, o Servidor Web cria variáveis de ambiente com informações sobre o Navegdor, o Servidor Web e a página ASP que estiver sendo acessada.

A coleção ServerVariables do objeto Request permite recuperar as ​​informações relativas ao Navegador do usuário bem como sobre o Servidor Web, dependendo do nome do elemento que é passado como um parâmetro. Ler mais...


5 - Request ClientCertificate
Sintaxe: Request.ClientCertificate("Chave")
Chave é o nome do campo de certificado a ser obtido.

A coleção ClientCertificate contêm os valores dos campos do certificado digital do cliente enviado na solicitação (request) HTTP. Certificados digitais possibilitam transações eletrônicas seguras e são enviados pelo browser cliente para o servidor web quando o browser cliente suportar Secure Sockets Layer (SSL) e o browser estiver conectado a um servidor web que também está executando o SSL (o URL começa com https://).

Exemplo:

<%
    With Response
        .Write "A certificação para esta pagina é valida de "
        .Write Request.ClientCertificate("ValidFrom")
        .Write " até"
        .Write Request.ClientCertificate("ValidUntil")
    End With
%>

  • ValidFrom - data de inicio da validade da certificação;
  • ValidUntil - data final da validade da certificação.
  • O resultado poderia ser: A certificação para esta pagina é válida de 12/08/2012 até 12/08/2015

 

Como Funciona o MétodoGET

O método GET pode ser usado tanto em formulários como em links comuns.

Este método é o padrão para envio de dados, o que significa que se nenhum método for especificado na criação de um formulário, estaremos utilizando o método GET para o envio dos dados.

Nesse método, os dados serão enviados juntamente com o nome da página (na URL) que processará os dados recebidos. Exemplo:

<form action=”trata_dados.php”>
<p> Digite seu nome: <input type=”text” name=”nome” size=”30”></p>
<p> Digite sua idade: <input type=”text” name=”idade” size=”3”></p>
<p> <input type=”submit” value=”Enviar” name=”enviar” ></p>
</form>

Como este formulário não mostra a opção method na tag form, o padrão (method=”GET”) será adotado. Suponha que os campos do formulário tenham sido preenchidos com os seguintes dados: Fulano, 30. Ao clicarmos no botão “Enviar”, o endereço ativado será:

http://seusite.com/suapagina.asp?nome=Fulano&idade=30

Os campos do formulário serão passados como parâmetro após o endereço de destino. O caractere ? representa o início de uma cadeia de variáveis, e o símbolo & identifica o início de uma nova variável.

Desvantagens de utilização do método GET:
- Limite de caracteres que podem ser enviados;
- Usuário enxerga todos os parâmetros por meio da barra de endereço do browser.
Vantagem de utilização do método GET:
- Pode também ser utilizado para passagem de parâmetros por meio de links.

● Observe que o método GET não é adequado para formulários que exigem alguma informação secreta (senha) pois o que foi digitado no mesmo é mostrado na caixa de endereço do Navegador.
● ATENÇÃO!!!! O método GET não deve ser usado para produzir mudanças nos dados que estão no servidor. Ou seja, nunca se deve usar o método GET para, por exemplo, atualizar um dado em um banco de dados.

Como Funciona o MétodoPOST

Para utilizar este método deve-se utilizar a opção method na tag form para informar ao browser. Exemplo:

<form action=”trata_dados.php” method=”POST”>
<p> Digite seu nome: <input type=”text” name=”nome” size=”30”></p>
<p> Digite sua idade: <input type=”text” name=”idade” size=”3”></p>
<p> <input type=”submit” value=”Enviar” name=”enviar” ></p>
</form>

O método POST envia os dados do formulário por meio do corpo da mensagem. Assim, o usuário não verá em sua barra de endereços aquele endereço enorme contendo uma cadeia de caracteres. Ele verá apenas o endereço do programa ativado. Este método também não possui limitação de tamanho dos dados que serão enviados, sendo ideal para formulários que possuem muitas informações a serem enviadas.

Pode-se também enviar imagens e outros arquivos (utilizando o valor file na opção type da tag input do HTML) o que não é feito com o método GET.

Quando Utilizar o Método POST

Utilizamos o método POST sempre que vamos alterar alguma coisa no servidor, ou sempre que queremos enviar dados que não podem ser enviados pelo método GET, como arquivos. Esse método é utilizado em formulário de cadastro e registro de usuários, envio de dados para alteração do sistema, cadastro de dados em sistemas de sites e outros.

Cookie: o que é e para que serve?

Muitos sites armazenam informações em um pequeno arquivo de texto, chamado cookie, que é gravado no disco rígido do PC.
São utilizados por sites para identificar e armazenar informações sobre seus visitantes.

Como ficam guardados, podem ser recuperados pelo site que o enviou durante a navegação em uma próxima visita.

Para que servem?

Em geral, os cookies são utilizados para: 1) Proporcionar serviços diferenciados, lembrando quem você é e quais são os seus hábitos de navegação; 2) Facilitar e agilizar o preenchimento de formulários;

Exemplos:
A - Sites de telefonia, no primeiro acesso tem um COMBO BOX pedindo para informar seu estado de origem, já nos próximos acessos o site já entra direto com a informação dada anteriormente em outro acesso.
B - Se você pedir informações sobre um produto em uma loja virtual, o site pode criar um cookie contendo o tipo de produto que você teve interesse. Ao acessar o site novamente, o cookie será acionado e a página exibirá ofertas de acordo com seu perfil.


Mitos sobre cookies

Os cookies são perigosos?
Não. Eles são informações armazenadas de um determinado site que podem freqüentemente tornar a navegação melhor, permitindo que o servidor se lembre de quaisquer informações personalizadas que você tenha configurado.

Os cookies são comuns?
Sim. Muitos sites utilizam apenas para guardar informações básicas e ajudar próprio usuário.

Os cookies podem transmitir vírus ou spyware?
Não. Um cookie não contém código, é um texto.

Os cookies podem descobrir email ou informações pessoais?
Não. Um cookie só tem informações que já foram fornecidas ou podem ser obtidas facilmente pelos sites.